Encontro Estadual delibera por ESTADO DE GREVE - SindiSeab

Área Restrita - Efetue seu login

Encontre uma notícia

NOTÍCIAS


Mobilização

Encontro Estadual delibera por ESTADO DE GREVE

Os servidores reunidos em Assembleia Geral, em 29 de março, aprovaram o estado de greve pelo pagamento da data-base e contra a reforma da Previdência.
30/03/2019

Estado de greve - a Assembleia Geral do SINDISEAB aprovou o estado de greve pelo pagamento das perdas salariais e contra a reforma da previdência que começa começa com a mobilização conjunta de todos os servidores no dia 29 de abril.



O momento é crítico - a estimativa é que, em maio, as perdas salariais acumuladas pelos calotes sucessivos na nossa data-base ultrapassem os 16%. Ao mesmo tempo, existem as ameaças concretas contra a previdência e contra a própria organização sindical.



Os servidores presentes no Encontro Estadual do SINDISEAB, em 29 de março, assistiram atentamente às explanações dos advogados Dr. Jackson Sponhols e Dr. Ludimar Rafanhim sobre as implicações da reforma da Previdência sobre os direitos dos servidores públicos. 



O desafio é maior - além de tentar destruir a previdência da população, o governo federal emitiu uma Medida Provisória 873, já contestada na Justiça, impedindo a contribuição sindical através do desconto em folha de pagamento. O objetivo é claro: inviabilizar os sindicatos financeiramente, pois são as entidades que defendem os direitos da classe trabalhadora.



"Este governo (Bolsonaro) é declaradamente contra o trabalhador. Declaradamente contra o movimento sindical. É por isso que temos que reagir!" - Cid Cordeiro. O economista do FES relembrou o histórico dos embates com o governo sobre as finanças do Estado, que subestimou o crescimento da Receita Corrente Líquida para fazer parecer que o percentual de gasto com pessoal seria maior do que realmente era e, assim, justificou os calotes na nossa data-base. "E em 2019, a SEFA está "errando" de novo!", alerta.



O SINDISEAB transmitiu ambos os debates na íntegra. Assista aqui 



No evento, também foi feito o relato sobre a audiência que o FES teve na véspera com a SEAP para tratar sobre o reajuste salarial e demais itens da pauta. Leia aqui






Notícias relacionadas