Noticias


06/06/2018

Data-base é dívida!

FES decide montar acampamento em frente ao Palácio Iguaçu a partir do dia 11 de junho

Cida Borghetti ainda não mandou para a ALEP a mensagem com o PL da data-base dos servidores do QPPE. Cida, decida!

Tanto a Comissão de Constituição e Justiça quanto a Comissão de Finanças na Assembleia Legislativa do Estado (ALEP)  já aprovaram os projetos de lei para os reajustes dos servidores dos outros poderes:
* Defensoria Pública (PL 297/18);
* PGE (PL 298/18);
* Ministério Público e Tribunal de Justiça (PL 299/18);
* Legislativo (PL 304/18);
* Tribunal de Contas (PL 311/18).

Tudo indica que os outros poderes vão receber a reposição da inflação, o que é certo, legal e justo. 

Incerto, ilegal e injusto é mais uma vez os servidores do Poder Executivo levarem o calote na data-base!

De concreto, nada! Apesar do governo ter acenado por diversas vezes com uma atitude aparentemente positiva, o fato é que a governadora Cida Borghetti ainda não se decidiu, pois a até agora a mensagem com o projeto de lei para a data-base dos servidores do Poder Executivo sequer chegou na ALEP.

Hoje (06), na tribuna da ALEP, o deputado Professor Lemos fez duras críticas à situação e denunciou manipulação de dados pela SEFA - assista aqui.

Dinheiro, tem! Diariamente e durante o dia todo, os membros da coordenação e dirigentes sindicais do FES têm feito plantão na Assembleia Legislativa. 

Ontem (05), mais uma vez foram percorridos os gabinetes de deputados e deputadas para apresentar, na ponta do lápis, novos estudos que demonstram que o Estado possui todas as condições de pagar a data-base aos servidores do Poder Executivo, garantindo isonomia com os servidores dos demais poderes. 

Os dirigentes do FES conversaram, de novo, com o Líder do Governo, Pedro Lupion, e com o Presidente da Assembleia Legislativa, Ademar Traiano. Ambos confirmaram ter levado a reivindicação à governadora. Então, falta o quê? 

A paciência acabou! O FES quer, até segunda (11/06), uma reunião com a presença da Governadora e a SEFA para esclarecer o assunto. A governadora promete, mas não decide. A lei eleitoral limita a votação do projeto da data-base até o dia 06 de julho de 2018. 

O FES decide!  Conforme o dito popular, quem não é visto não é lembrado. Se é por falta de lembrar que precisa decidir, a governadora terá oportunidade de ver, no dia a dia, os servidores do Poder Executivo acampados na Praça 29 de Abril (em frente ao Palácio Iguaçu). O FES está convocando as categorias para uma vigília pela data-base, o acampamento será montado a partir de segunda-feira (11/06).

PROGRAMAÇÃO DA VIGÍLIA PELA DATA-BASE:

- 11 de junho, SEGUNDA: 
* 10h00 - Início da vigília em frente ao Palácio;
* 11h00 - Visitas aos gabinetes dos deputados;
* 14h00 - Acompanhamento da sessão;
* 19h00 - Debates e Atividade Cultural.

SINDISEAB na luta pela data-base:
A direção do sindicato se reuniu hoje e deliberou por participar do acampamento para fortalecer o conjunto dos servidores estaduais do Poder Executivo. Os colegas do interior que queiram se unir com as demais categorias em mais esta mobilização pela data-base, devem entrar em contato com o sindicato:
* e-mail: sindiseab@sindiseab.org.br;
* telefone: (41) 3253-6328;
* whatsapp: (44) 44 99945-0202.